Pesquisar
André Amaral, um jovem deputado com atuação marcante em favor da juventude

24/10/2017

André Amaral (PMDB-PB), com apenas 27 anos, tem se destacado na Câmara dos Deputados pela diversificação dos temas defendidos como bandeiras de atuação, principalmente os relacionados á população jovem
Poucos parlamentares conseguem a proeza de se destacar em tão pouco tempo no exercício do mandato como é o caso do deputado federal André Amaral Filho (PMDB-PB). O deputado, que já havia assumido como suplente entre agosto e novembro de 2016, reassumiu e foi efetivado em 1º de janeiro deste ano, em virtude da renúncia do deputado Manoel Júnior, para assumir o cargo de vice-prefeito de João Pessoa.
André Amaral tem demonstrado versatilidade de trabalho desde os primeiros momentos, ainda como suplente, pois além de defender as causas relacionadas ao seu Estado, passou a encabeçar diferentes bandeiras, as quais serão destacadas neste texto. Fruto dessa versatilidade de atuação na Câmara dos Deputados é que, mesmo tão jovem (ainda não havia completado 27 anos), em junho deste ano, foi cogitado para assumir o Ministério da Cultura, no lugar de João Batista de Andrade, que havia assumido o cargo interinamente com a saída de Roberto Freire do cargo no mês de maio.
JUVENTUDE, UMA DAS PRIORIDADES
André Amaral, apesar de efetivado há menos de um ano como titular do mandato, tem se debruçado sobre várias proposições, seja como autor, coautor ou relator. Isso sem falar na quantidade de emendas apresentadas em favor das mais variadas demandas. Afora isso, o deputado também tem se revelado nos debates das comissões técnicas, seja nas reuniões ordinárias, ou em audiências públicas, onde sempre se põe em defesa de tema de interesse do país.
Pesquisando, mesmo que rapidamente, sua linha de atuação no Congresso Nacional, facilmente se comprovará que, mesmo atuando em diferentes campos em defesa da população, a juventude é um das suas bandeiras principais. E o mais surpreendente: todo esse dinamismo e objetividade, vem de um parlamentar tão jovem e que nunca havia exercido nenhum cargo eletivo.

PROJETOS DESTACADOS

Entre as inúmeras propostas defendidas pelo deputado André Amaral nesse primeiro ano de mandato na Câmara, podemos destacar, dentre outras, as seguintes: PL 6438/16, altera o Código de Trânsito Brasileiro, para relacionar equipamentos obrigatórios de veículo de transporte coletivo; PL-6352/16, modifica o artigo 44 da Lei nº 9.096, de 19 de setembro de 1995 e os artigos 17 e 14, § 3º, inciso V, da Constituição Federal, propondo a aplicação de recursos do fundo partidário para criação e manutenção de programas de promoção e difusão da participação política dos jovens; PL-6086/16, institui a política nacional de assistência estudantil, voltada para os estudantes de cursos de graduação presencial na rede federal de educação superior; PL 6000/16, define regras gerais e objetivos para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), estabelecendo direitos aos seus participantes; Indicação ao Poder Executivo 2837/16, para criação dos Conselhos Federal e Regionais de Zootecnia; Requerimento 137/2017-CLP, realização de Audiência Pública para debater a aprovação do Sistema Nacional de Juventude/SINAJUVE; Requerimento 167/17-CLP, realização de Audiência Pública para debater a instituição do Dia Nacional do Jovem Empreendedor; Requerimento 170/17-CLP, para realização de Audiência Pública para debater o Plano Nacional de Juventude; PL-8058/2017, destinação de 10% de recursos de projetos culturais incentivados para o Fundo Nacional de Cultura, afora inúmeras outras, todas voltadas para as classes menos favorecidas.

EM DEFESA DA SEGURANÇA PÚBLICA

Em mais uma prova da diversidade nas suas bandeiras de atuação, nesse caso favor do seu Estado, André Amaral, anunciou, no último dia 19, a apresentação de emenda parlamentar no valor de 100 milhões de reais, destinada à Polícia Militar da Paraíba. Ele afirma que vai lutar para que a proposta seja incluída no Orçamento da União de 2018, especialmente no contexto atual, de crise da Segurança Pública, não só no seu estado, mas em todo o Brasil. Segundo o deputado, é preciso prestigiar a polícia, dando-lhe melhores condições de atuação.
André Amaral acredita que os recursos podem servir não só para o combate ao crime, mas também para garantir uma presença mais ostensiva, com viaturas atuando em pontos estratégicos, como forma de inibir delitos. Na sua opinião, André Amaral disse achar ser esse um coro que deve ser entoado por toda a Câmara dos Deputados, e todo o Congresso Nacional, para em conjunto se combater a criminalidade que grassa o pais como um todo.

(61) 9357-4803
contato@frentesparlamentares.com.br
(Obs.: matéria repostada por haver erro no contato telefônico)





fonte: Editoria do Site Sustentabiliodadebrasil

Marcas da Sustentabilidade