Pesquisar
CMADS debaterá o crime de maus tratos aos animais

Meio Ambiente


3/7/2017

A Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável realizará audiência pública para debater a necessidade de aumento de pena e criação de qualificadoras para o crime de maus tratos aos animais. O proponente do evento foi o Deputado Marcelo Álvaro Antônio (PR/MG)
CMADS realizará audiência pública para debater a necessidade de aumento de pena e criação de qualificadoras para o crime de maus tratos aos animais. O evento será realizado no dia 04 de julho (terça-feira), às 14 horas, no Plenário 08 da Câmara dos Deputados (Anexo II), e contará com transmissão ao vivo pelo portal e-Democracia.
Neil Moralee - 2015
CMADS debaterá o crime de maus tratos aos animais
A Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável realizará audiência pública para debater a necessidade de aumento de pena e criação de qualificadoras para o crime de maus tratos aos animais. O proponente do evento foi o Deputado Marcelo Álvaro Antônio (PR/MG) pelos Requerimentos números 155/2017, 179/2017 e 193/2017 da CMADS.
A Lei de Crimes Ambientais (Lei Federal n° 9.605/1998) tipificou como crimes várias condutas que atentam contra a fauna. Por exemplo, o artigo 32 da referida lei considera crime contra a fauna abuso, maus-tratos, ferimento ou mutilação de animais silvestres, domésticos ou domesticados, sendo estes animais nativos ou exóticos. Para esse crime, a pena é de detenção, de três meses a um ano, e multa.
No requerimento, o Deputado Marcelo Álvaro Antônio (PR/MG) destaca que os casos de maus tratos aos animais têm sido cada vez mais noticiados pela mídia e causado comoção pública, mas a lei atualmente não cumpre seu papel de reprimir a conduta e punir o agente, pois a pena ainda é branda. Segundo ele, em muitos casos o indiciado assina apenas um termo de ajuste de conduta e, ao final do processo, paga a multa em forma de cestas básicas ou serviço comunitário.
Para o Deputado, a audiência pública visa construir um entendimento acerca do assunto, ouvindo especialistas e membros da sociedade civil, de modo a garantir o melhor esclarecimento sobre os possíveis impactos da proposta em relação à lei de crimes ambientais.
O evento será realizado no dia 04 de julho (terça-feira), às 14 horas, no Plenário 08 da Câmara dos Deputados (Anexo II), e contará com transmissão ao vivo pelo portal e-Democracia.

www.contato@sustentabilidadebrasil.com.br
(61) 99357-4803



fonte: Câmara Notícias

Marcas da Sustentabilidade