Pesquisar
9º Salão do Artesanato

Meio Ambiente


22/3/2017

Entre os dias 29 de março e 02 de abril de 2017, Brasília será o palco do 9º Salão do Artesanato, que acontece no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade, de quarta a sexta-feira das 16h às 22h, sábado e domingo das 11h às 22h, com entrada gratuita
9º SALÃO DO ARTESANATO
Data: 29 de março a 2 de abril de 2017.
Local: Pavilhão Expobrasília do Parque da Cidade
Horários: Quarta à sexta: das 16h às 22h
Sábado e domingo: das 10h às 22h


BRASÍLIA SEDIA 9º SALÃO DO ARTESANATO
Um dos maiores eventos de artesanato do país terá 17 estados participando, oficinas, shows e gastronomia típica.
Entrada franca.
Entre os dias 29 de março e 2 de abril de 2017, Brasília será o palco do 9º Salão do Artesanato, que acontece no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade, de quarta a sexta-feira das 16h às 22h, sábado e domingo das 11h às 22h, com entrada gratuita. O Salão é um dos maiores eventos de artesanato do país, reunindo vários estados brasileiros, tem apoio e participação do Programa do Artesanato Brasileiro-PAB, vinculado à Secretaria Especial da Micro e Pequena Empresa da Secretaria de Governo da Presidência da República, da Secretaria de Turismo do GDF, do SESC-DF e patrocínio cultural do BRB.
A expectativa é que mais de 60 mil pessoas passem por lá, em um espaço de 19 mil metros quadrados divididos entre estandes e trabalhos de cerca de 1500 artesãos de vários locais do Brasil.
O Salão do Artesanato reúne, nesta edição, 17 estados brasileiros expondo e comercializando produtos genuinamente artesanais, mobilizados pelo PAB, e, também, expositores individuais. “O evento promove a aproximação do artesão com o público, com lojistas e aquece o mercado em um momento de crise. Além disso, destaca aspectos importantes da cultura dos estados e cidades participantes por meio de música, dança e outras manifestações artísticas populares”, diz o diretor da Rome Eventos, empresa organizadora do Salão, Rômulo Mendonça.
“Este ano teremos um fator importante, a assinatura pelo Governo Federal por intermédio da Secretaria de Governo com os estados brasileiros, Ministério da Cultura, Turismo, Desenvolvimento Social e Agrário, de um Plano de Governo para o setor artesanal”, informa Leda Alves, diretora executiva da Rome. O Salão foi escolhido para esta solenidade em função de ser realizado no mês do artesão, comemorado em 19 de março, e pela oportunidade de reunir artesãos de vários estados. “Para isso, no dia 30 de março, no período da manhã, haverá um grande evento visando a valorização do artesão e o fortalecimento do setor artesanal”, complementa a coordenadora do PAB, Ana Beatriz Ellery.
Todo ano um estado é homenageado e neste, quem ganha destaque é Alagoas, que terá espaço para apresentar seu artesanato, gastronomia e cultura. Os visitantes poderão conferir produtos artesanais em fibra, madeira, fios e tecidos, entre outros. No estande será divulgado, também, o destino Alagoas, com itens da recente campanha #AlagoasTeFazFeliz. “Iremos oferecer degustação de produtos típicos da culinária alagoana”, informa a gerente de Design e Artesanato da Sedetur, Daniela Vasconcelos.
A mestre artesã e Patrimônio Vivo do Estado de Alagoas, Vânia Oliveira, estará presente no 9º Salão do Artesanato com o ‘Chapéu de Guerreiro’, a principal peça da indumentária da dança Auto dos Guerreiros. Autodidata, a artesã reconheceu sozinha a vocação e o amor pela arte. Segundo ela, tudo começou há 32 anos, quando tentava criar as lembranças de aniversário de sua filha. Entre um produto e outro, o aperfeiçoamento e desejo de reproduzir a cultura local de alguma forma, a artesã tornou a confecção de peças cada vez mais elaborada, transformando-se um dos principais nomes do artesanato alagoano.
O Auto dos Guerreiros, ou simplesmente Guerreiro, é um dos mais importantes folguedos populares de Alagoas. Ele surgiu no Estado na década de 1920 e canta, por meio do sincretismo religioso, a chegada do messias e a homenagem dos três Reis Magos. Trajes multicoloridos, ornamentados com espelhos, miçangas, fitas e lantejoulas, além de chapéus que formam verdadeiras obras de arte popular, compõem o visual das apresentações.
“Nos sentimos muito honrados em ter nosso artesanato homenageado. Alagoas tem uma riqueza cultural imensa, com produtos artesanais únicos e uma grande variedade de tipologias, além de mestres artesãos reconhecidos por sua arte em várias partes do mundo. A arte popular produzida em Alagoas carrega raízes ancestrais fortíssimas, vide as cabeças da Mestra Dona Irinéia, expostas em feiras pelo mundo inteiro e que carregam toda a cultura quilombola consigo”, enfatiza Daniela.
Paralelamente, haverá oficinas de artesanato, shows e palestras. Os cantores confirmados são: Dudu Braga – RC na veia, Bruna Viola, Banda Camafeu e Gabriel Correa.


SOBRE OS EVENTOS PARALELOS

PRAÇA DO ARTESÃO – Quatro artesãos do DF foram convidados a dar vida a quatro praças de convivência no evento, utilizando técnicas e materiais diferentes. São eles: Zaqueu que trabalha com metal, Paulo de Paula, artista da cerâmica, Tião Piauí, mestre no cipó e Roberto do Bambú, que como o próprio nome já diz, faz arte com bambu. “Vale a pena conferir esses espaços para ver a criatividade de nossos artistas”, acrescenta Leda.

OFICINAS – Serão coordenadas pelo SESC-DF, que oferecerá diariamente aulas de variadas técnicas e materiais para o público visitante. De maneira simples e com poucos recursos, será possível, até para leigos, aprender a fazer enfeites, bijuterias, acessórios e utilitários de forma divertida e prática.

PROJETO ROME CIDADANIA - Consciente de sua responsabilidade social, a Rome Eventos, monta, todos os anos, espaços destinados a entidades sociais que têm no artesanato uma forma de terapia ocupacional e também de geração de renda. Essas entidades recebem os espaços montados com toda a estrutura necessária para expor e comercializar seus produtos, além de poder divulgar ao público as ações que desenvolvem. Este ano participarão o Lar dos Velhinhos Bezerra de Menezes, a ONG Concretamente Brasília e a ONG Vida Positiva.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DOS SHOWS QUE OCORREM SEMPRE ÀS 21H

29/03– Dudu Braga – RC Na Veia
A banda formada por Alex Capella (vocal), Fernando Miyata (guitarra), Juninho Chrispim (baixo) e Dudu Braga (bateria), apresenta sucessos imortalizados por Roberto Carlos, como “Eu Sou Terrível”, “É Preciso Saber Viver”, “Esse Cara Sou Eu”, entre outras, trazendo arranjos repaginados com o baixo acentuado e a guitarra pesada, mas sem perder a essência.

30/03 – Bruna Viola
Uma das maiores violeiras da atualidade, a cantora e compositora cuiabana, Bruna Viola, é um destaque no cenário musical tocando modão de viola. Natural de Cuiabá, Bruna começou a tocar viola aos 11 anos e, de lá para cá, adotou a Viola como sobrenome artístico. No repertório, as famosas canções “Sessenta Dias Apaixonado”, “Saudade da Minha Terra”, “Telefone Mudo”, entre outros modões.

31/03– Banda Camafeu
Uma mistura de samba reggae com axé music, assim podemos definir a banda brasiliense Camafeu. Com uma roupagem percussiva, o pop rock e sucessos da MPB ganham uma batida diferenciada. Criada em 2011, o vocalista Guga Camafeu está à frente da banda composta por 10 profissionais. No repertório, sucessos como Minha pequena Eva, Faraó, País Tropical e vários outros.

01/04 – Gabriel Correa
O cantor brasiliense Gabriel Correa, semifinalista da quinta temporada do programa The Voice Brasil, saiu do pop-rock e hoje aposta no sertanejo pop, trazendo em seu repertório os sucessos de Lucas Lucco, Marília Mendonça, Luan Santana, Israel Novaes, Wesley Safadão, e outros. Ele já cantou com Fernando e Sorocaba e abriu um show de Marcos & Belutti.


ROME Eventos
61 3345-0011
61 99972-5569
Setor Hípico Sul, Área Especial, Lote 8
Edifício Hípica Hall, 1º andar, Asa Sul
Brasília – DF | Cep 70.602-900
www.rome.com.br

Equipe comercial
(61) 99933-8293 - atendimento@rome.com.br
(61) 99970-1090 - comercial@rome.com.br
vendas@rome.com.br




fonte: Site: Rome Eventos

Marcas da Sustentabilidade